Análises Conjunturais Levantamento Sistemático da Produção Agrícola - 2014

Categoria Pai: Análises Conjunturais
Categoria: LSPA - Levantamento Sistemático da Produção Agrícola

Posição dezembro 2014

A estimativa da safra goiana de grãos – Algodão, Amendoim, Arroz, Feijão, Girassol, Milho, Soja, Sorgo e Trigo – para 2014, com base em dados de dezembro do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola – LSPA/IBGE, indicou uma produção da ordem de 19,818 milhões de toneladas, valor acima do registrado em 2013, que foi de 18,185 milhões de toneladas (ou seja, um aumento de 9,0%).

Mesmo havendo melhora considerável na produção, as mudanças climáticas continuam influenciando muito na produção agrícola no Estado, oscilando o início do período chuvoso e contribuindo desfavoravelmente para o desempenho das culturas. Essa ocorrência afetou a produção de culturas importantes, com destaque para o recuo na produção de Arroz e Soja, de -6,4% e -0,3%, respectivamente.

Na Tabela 1 são apresentados os dados de produção, área colhida e rendimento médio (produtividade) dos principais produtos agrícolas de Goiás, nos anos de 2013 e 2014. Comparando-se estes dois anos houve queda no volume produzido de culturas como: Milho 1ª safra (-24,35%), Feijão 3ª safra (-9,60%), Soja (-0,33%) e Cana-de-açúcar (-0,28%).

Todavia, há que se destacar que para a grande maioria das culturas houve aumento de produção. Nesta direção destacam-se os aumentos na produção de Trigo (121,83%), Feijão 2ª safra (64,71%), Girassol (44,94%), Milho 2ª safra (43,29%), Algodão (29,01%), Feijão 1ª safra (15,81%) e Sorgo (14,18%).

Em relação à expansão da área colhida (conforme Tabela 1), os principais destaques foram: Trigo (99,19%), Feijão 2ª safra (46,74%) e Girassol (31,44%). Em termos de ganho de rendimento médio (produtividade), destacam-se o avanço no Feijão (1ª, 2ª e 3ª safra) com ganhos de 22,37%, 12,24%, 2,98%, respectivamente; Trigo (11,37%) e Girassol (10,27%). Em direção contrária, houve recuo na produtividade da Soja (-7,29%) e de Sorgo (-3,03%).

 

Tabela 1: Estado de Goiás: Área, produção e rendimento médio dos principais produtos agrícolas nos anos 2014 e 2013.

Produto

Safra 2013

Safra 2014

Variações (%)

Área colhida (ha)

Produção (t)

Rend. Médio (t/ha)

Área colhida (ha)

Produção (t)

Rend. Médio (t/ha)

Área colhida (ha)

Produção (t)

Rend. Médio (t/ha)

Abacaxi*(1)

2.588

55.372

21,40

2.660

58.456

21,98

2,78

5,57

2,71

Algodão herbáceo

52.780

204.285

3,87

67.359

263.539

3,91

27,62

29,01

1,08

Arroz

43.402

148.659

3,43

38.077

139.072

3,65

-12,27

-6,45

6,63

Cana-de-açúcar

858.898

69.307.411

80,69

885.002

69.116.761

78,10

3,04

-0,28

-3,22

Feijão (1ª Safra)

56.193

101.402

1,80

53.181

117.437

2,21

-5,36

15,81

22,37

Feijão (2ª Safra)

18.800

34.433

1,83

27.587

56.713

2,06

46,74

64,71

12,24

Feijão (3ª Safra)

54.458

154.086

2,83

47.803

139.289

2,91

-12,22

-9,60

2,98

Girassol

3.629

5.677

1,56

4.770

8.228

1,72

31,44

44,94

10,27

Mandioca

10.055

167.358

16,64

10.612

176.191

16,60

5,54

5,28

-0,25

Milho (1ª Safra)

372.510

2.804.599

7,53

287.055

2.121.736

7,39

-22,94

-24,35

-1,83

Milho (2ª Safra)

858.468

4.885.819

5,69

1.120.797

7.001.070

6,25

30,56

43,29

9,75

Soja

2.941.444

8.902.769

3,03

3.162.303

8.873.317

2,81

7,51

-0,33

-7,29

Sorgo

283.281

923.069

3,26

333.557

1.053.954

3,16

17,75

14,18

-3,03

Tomate

15.795

1.329.797

84,19

11.648

1.025.567

88,05

-26,26

-22,88

4,58

Trigo

4.062

19.543

4,81

8.091

43.353

5,36

99,19

121,83

11,37

Fonte: LSPA (IBGE); Elaboração: Instituto Mauro Borges/Segplan-GO / IMB / Gerência de Contas Regionais e Indicadores – 2015.

*(1) Produção em mil frutos.

 

No Gráfico 1 são apresentadas as participações relativas das áreas colhidas de soja, milho e cana-de-açúcar em relação à área colhida dos principais produtos agrícolas de Goiás - os mesmos produtos que estão listados na Tabela 1 – nos anos de 2013 e 2014. Visualiza-se que houve um aumento da participação relativa da área colhida de Milho em 1,16%. Nos casos da Cana-de-açúcar e Soja houve redução da área colhida em 0,80% e 0,57%, respectivamente.

 

 

Entretanto, é importante destacar que as três culturas elevaram sua participação relativa da área colhida vis-à-vis as demais culturas, em 0,22 pontos percentuais, o que denota a importância destas três culturas na economia do Estado de Goiás.

 

Equipe de Conjuntura do IMB:

 

Dinamar Maria Ferreira Marques

Luiz Batista Alves

Millades de Carvalho Castro

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.