Estudos do IMB

Estudos realizados por técnicos do IMB, inclusive em parceria com outras instituições, sem periodicidade, tendo como propósito aprofundar o conhecimento sobre o Estado de Goiás, predominantemente em temas socioeconômicos.

Publicações

Livro Capacidades Governativas no Ambiente Federativo Nacional – Goiás (2000 - 2012) - Dezembro/2015

31 Dezembro 2015
O livro é um esforço de identificação, mapeamento e análise de capacidades e limitações governativas numa experiência estadual concreta que enriquece a compreensão do quadro de relações intergovernamentais estabelecidas entre governo federal e governos estaduais.

Análise das Unidades de Desenvolvimento Humano da Região Metropolitana de Goiânia pelo IDHM – 2000 e 2010 - Dezembro/2015

31 Dezembro 2015
O estudo tem por objetivo avaliar as transformações e o desenvolvimento humano ocorrido, entre os anos de 2000 e 2010, na Região Metropolitana de Goiânia, por meio da análise das 256 Unidades de Desenvolvimento Humano (UDHs). Isso foi possível com a publicação do Índice de Desenvolvimento Humano (IDHM) em nível intramunicipal. O índice foi analisado em suas três dimensões (Longevidade, Renda e Educação), e a partir dos resultados de 2010, em três grupos de desenvolvimento (Médio, Alto, Muito Alto). Destaca-se a dimensão Longevidade que apresentou os melhores resultados: 75% das UDHs com IDHM Muito Alto. No entanto, apesar de todas as melhoras observadas, a educação continua a ser um grande desafio para o desenvolvimento humano da RMG. Esta é a única dimensão que, ainda em 2010, apresentou UDHs nas faixas Muito Baixo (2) e Baixo (37).

Segregação ocupacional por gênero e cor em Goiás no período de 2011 a 2013 - Setembro/2015

30 Setembro 2015
O trabalho tem como objetivo principal verificar a segregação no mercado de trabalho goiano por gênero e cor por meio da aplicação do Índice Duncan & Duncan, além de apresentar o perfil dos trabalhadores goianos em relação à idade, escolaridade, segmento de ocupação, faixa de idade que começou a trabalhar, tipo de família e distribuição do rendimento hora por grupos ocupacionais. Utilizou-se microdados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio para o período de 2011, 2012 e 2013.

Avaliação do Turismo na região do ouro de Goiás e a atuação do poder público - Junho/2015

30 Junho 2015
O presente estudo analisa a contribuição do poder público para o desenvolvimento econômico da Região do Ouro do Estado de Goiás, que foi a primeira a ser colonizada no Estado, o que chama atenção para o seu papel histórico e cultural, além de ser uma das mais visitadas de Goiás. O artigo verifica a atuação das três esferas governamentais, com maior profundidade na estadual. Para isso, apresenta o contexto socioeconômico dos municípios avaliados e o arranjo institucional, especialmente do setor de Turismo e de Cultura.

A Composição da Assembleia Legislativa de Goiás na Legislatura 2015-2018 - Janeiro/2015

31 Janeiro 2015
Este estudo visa fazer uma descrição dos deputados estaduais eleitos em Goiás para a décima oitava legislatura. Para tanto, faz-se uma rápida descrição do funcionamento do modelo particular de democracia ocidental, a democracia representativa. Após esta descrição é traça-se uma descrição socioeconômica envolvendo sexo, idade, cor/raça e escolaridade do eleitorado goiano, das candidaturas a deputado estadual e dos deputados eleitos que irão compor a nova Assembleia Legislativa.

Características do Emprego Formal em Goiás 2013 - Janeiro/2015

31 Janeiro 2015
Este estudo apresenta os principais resultados do comportamento do emprego formal e da remuneração média entre os anos de 2012 e 2013, abrangendo todos os vínculos formais (celetistas, estatutários, temporários, avulsos, entre outros), desagregados em nível setorial, geográfico, segundo gênero, grau de instrução e porte dos estabelecimentos, com o objetivo de monitorar a evolução desses indicadores no estado de Goiás.

Análise Socioespacial dos Idosos em Goiás - Dezembro/2014

31 Dezembro 2014
O presente estudo visa a compreender a natureza e heterogeneidade socioespacial dos idosos em Goiás. Esse grupo populacional, na metodologia do trabalho, é formado por pessoas acima de 64 anos de idade. O objetivo da análise é oferecer subsídios às ações e políticas públicas que contemplem distintas realidades e, assim, garantir melhor qualidade de vida para os idosos goianos. Nesse sentido, são analisadas questões como a feminização da velhice, o quadro educacional e de trabalho, as causas de mortes e as condições de moradias dos idosos. Além disso, faz-se a espacialização de alguns dados pelas microrregiões do Estado.